Novas regras e horários na Cultura

Novas regras e horários na Cultura

Like
374
0
Sexta-feira, 30 Abril 2021
Notícias

Os museus, palácios e monumentos regressam aos horários habituais, a partir do próximo sábado, com o levantamento de estado de emergência, passando a situação de calamidade, confirmaram os serviços do Ministério da Cultura, à agência Lusa.

O novo horário dos museus estende-se a equipamentos similares, e acontece em simultâneo com o novo horário limite dos “espetáculos culturais”, que passa para as 22h30, a partir do dia 1º de maio, como anunciou o primeiro-ministro, António Costa, no final da reunião do Governo, ontem, que antecipou em dois dias o termo das restrições do estado de emergência.

Os museus, monumentos e palácios nacionais, sob a tutela da DGPC – Direção-Geral do Património Cultural, de uma maneira geral, têm como horário de referência, para encerramento, as 18h00, mas diferentes equipamentos, geridos por diferentes entidades, podem ter diferentes horários, aplicando-se o limite das 22h30. A nova hora limite aplica-se diariamente, em dias úteis e aos fins de semana.

Os “espetáculos culturais” passam também agora a ter as 22h30 como hora limite, a partir de sábado. O horário aplica-se diariamente, em dias úteis e fim de semana. A realização de “grandes eventos exteriores e interiores” estava prevista para maio, também sujeitos a aprovação e lotação definidas pela DGS.

O uso de máscara de proteção contra a pandemia de Covid-19 deve continuar a ser obrigatório até ao final do verão, quando se prevê a obtenção de imunidade de grupo, afirmou o primeiro-ministro, António Costa. Todas as modalidades desportivas e atividade física ao ar livre e ginásios passam a ser permitidas, assim como a realização de grandes eventos exteriores e eventos interiores com diminuição de lotação. Continua a existir o dever de recolhimento em casa da população.

Comments are closed.