Lojas de música criticam critérios de confinamento

Lojas de música criticam critérios de confinamento

Like
92
0
Quinta-feira, 21 Janeiro 2021
Notícias

As lojas de música criticaram os critérios definidos pelo Governo que permitem a grandes superfícies como a FNAC continuarem a vender CD e vinis, durante o novo confinamento.

O Governo decidiu primeiro suspender as atividades de comércio, com exceção dos estabelecimentos que disponibilizam bens de primeira necessidade, permitindo a manutenção de atividade de lojas como a FNAC ou a Worten por venderem, entre outros bens, equipamentos informáticos e eletrónicos.

Mais tarde, foi lançado um despacho que define o que é que as superfícies comerciais que disponibilizam bens de primeira necessidade podem vender, sendo este documento omisso relativamente a CD ou vinis.

share

Comments are closed.