O FIM DOS DEAD COMBO

O FIM DOS DEAD COMBO

Like
1015
0
Terça-feira, 01 Outubro 2019
Destaques

Os Dead Combo vão acabar.

A banda fez o anúncio esta manhã, no Facebook, com a notícia de uma última digressão.

Tó Trips e Pedro Gonçalves explicam que decidiram acabar, “mas acabar em grande – não é um final triste, há muita coisa para ser celebrada”.

E vai ser celebrada em palco, em duo, com uma digressão que começa no final deste ano e termina em 2020.

Formados em 2003, os Dead Combo lançaram 6 discos de originais e dois álbuns ao vivo.

Em breve serão anunciadas as datas desta digressão de despedida.

Eis o post completo assinado por Tó Trips e Pedro Gonçalves:

 

A quem possa interessar,

Poderíamos começar esta carta com um passeio pela nossa história, nesse longínquo 2003 quando o acaso decidiu juntar dois corpos escanzelados que mal se conheciam e vibravam por músicas distantes.
Mas sobre isso, já se escreveu e romantizou o suficiente…
Poderíamos, sem rodeios, começar pelo final, cru, directos ao assunto e sem nenhuma morna pelo caminho…
Ou então, poderíamos começar pela razão que nos leva a escrever esta carta, que é abrir-vos o jogo. Sim, é por aqui que iremos começar.

A razão destas palavras é simples: são vocês.
Vocês, as pessoas que acreditaram e apoiaram este duo que já dura há 16 anos.
Vocês, que permitiram à nossa sensibilidade entrar nas vossas casas.
Achámos que por este voto de confiança, devíamos ser honestos e dar-vos a escolher entre estar presentes ou ausentes neste próximos tempos da nossa banda.

Para nós, 2020 não será um ano qualquer.

Se o nosso encontro (Tó/Pedro) foi uma descoberta, uma grande amizade, um diálogo musical, um universo que se foi adensando e clarificando; se todos estes anos foram uma grande festa nas nossas vidas, não poderia ser de outra forma o nosso final. Decidimos acabar, mas acabar em grande.
Não é um final triste, há muita coisa para ser celebrada.

De uma forma concreta, acabamos como começámos: os dois.
Voltamos aos palcos com uma tour, num passeio pela nossa história.
Começará no final de 2019 e acabará em 2020.

Muita vida a todos,

Tó Trips e Pedro Gonçalves

share